Ads Top

Onde ou Aonde: qual a diferença e como usar corretamente?

As palavras da língua portuguesa onde e aonde são amplamente utilizadas nas linguagens falada e escrita, referindo-se na maioria das vezes a determinados lugares. Mas nem sempre as pessoas sabem a diferença entre esses dois termos, nem como utilizá-los corretamente.
Por isso, resolvemos abordar este tema e tirar todas as dúvidas correspondentes.

Classificação gramatical das palavras onde e aonde

Em se tratando de classificação gramatical, devemos saber que as palavras onde e aonde são classificadas como advérbios de lugar.
Para relembrar...
Advérbio é a classe gramatical das palavras que modifica um verbo, um adjetivo ou um outro advérbio. Nunca modifica um substantivo. É a palavra invariável que indica as circunstâncias em que ocorre a ação verbal. Por exemplo: acordou tarde, comeu muito etc.
Talvez você já tenha notado que a palavra mais usada pelas pessoas na linguagem falada é o famoso aonde. Este vocábulo é usado quase sempre pelos falantes. 
Mas o que estas pessoas muitas vezes não percebem é que o uso indiscriminado do adverbio aonde está errado, pois ele somente pode ser usado quando houver a ideia de movimento. Continue lendo e aprenda este assunto de maneira fácil.

Assuntos relacionados:
 

Onde

Como já explicado acima, nem todos sabem que o advérbio onde (sem a vogal "a") deve ser empregado somente quando estivermos nos referindo a determinado lugar estático, isto é, sem se expressar a ideia de movimentos.
Como exemplos, podemos dizer que o "onde" deve ser usado para indicarmos o local em que moramos, trabalhamos ou que nos  encontramos em determinada hora. 
Vejamos mais exemplos para facilitar o entendimento desta importante regra gramatical da língua portuguesa.

Exemplos com onde

  • Eu vou passar esta noite na casa da minha namorada, onde costumo descansar bastante.
  • Não sei onde fica a cidade de Paris.
  • Maria comprou uma casa nova, onde se sente muito mais confortável.
  • A fábrica onde José trabalha é muito barulhenta.

Veja que o onde foi utilizado para designar locais estáticos: casa e cidade. Obviamente, ninguém dorme se movimentando, assim como cidades não se movimentam.


Aonde

Em sentido diferente, o advérbio aonde (iniciado com a vogal "a") deve ser empregado quando queremos fazer referência à ideia de dinâmica, ou seja, quando estivermos nos referindo a movimentos.
Com exemplos, fica mais fácil entender.

Exemplos com aonde

  • Para chegar aonde poucos chegam, é preciso fazer o que poucos fazem!
  • João sempre vai aonde Maria está.
  • Aonde vamos parar com tanta corrupção na política?

Note que verbo chegar denota a ideia de movimento. Inclusive, o verbo chegar requer a preposição “a”. Quem chega, chega a algum lugar.
Observe também que João se desloca até Maria (ele vai até Maria).

Resumo sobre a diferença entre onde e aonde

Resumindo, podemos afirmar o seguinte:
  • Onde  → advérbio de lugar que expressa ideia estática (sem movimentos).
  • Aonde → advérbio de lugar que expressa ideia dinâmica (com movimentos).

Exercício de fixação sobre onde e aonde

Complete corretamente as lacunas com as palavras onde ou aonde:

O bairro ____ vivo é bem movimentado.
O lugar ____ fomos é bastante arborizado.
Na casa ____moramos faz muito calor.
____ vamos chegar desse jeito?

a) Onde, onde, aonde, aonde.
b) Aonde, onde, aonde, onde.
c) Onde, aonde, onde, aonde.

A resposta correta é a alternativa c.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.