Ads Top

O limão é ácido ou alcalino?

Antes mesmo de esclarecermos se o limão é ácido ou alcalino, convém ressaltarmos a enorme importância dessa fruta tão popular.
O limão é rico em vitamina C, que traz vários benefícios à nossa saúde. Além disso, é rico em cálcio e ferro, que também são essenciais. 
Segundo orientações médicas, o limão protege o organismo de inúmeras doenças virais, tais como a gripe, agindo muitas vezes como um antibiótico natural para combater outros microorganismos indesejáveis: as bactérias. 
Além do mais, ao contrário do que muita gente pensa, o limão é um ótimo aliado para combater o problema da gastrite, o qual é geralmente associado à acidez no estômago.

O limão é ácido ou alcalino?

A dúvida surge principalmente por causa do sabor azedo, que é característico do limão, acompanhado do seu cheiro forte. Isso ocorre por causa do ácido cítrico presente na fruta.
Assim, somos influenciados a achar que a fruta deixa nosso estômago mais ácido. Porém, ocorre exatamente o contrário.
Depois de entrar no estômago, o limão é submetido ao processo de digestão, que gera substâncias alcalinizantes e reduz a acidez do estômago. Ou seja, o limão em si é ácido, mas seus componentes se tornam alcalinos após entrar no estômago.
Exatamente por esse motivo, o limão é capaz de combater a gastrite.

Os benefícios não param por aí!
O ácido cítrico presente na fruta é um adstringente da gordura, excelente para facilitar o processo de digestão dos alimentos que ingerimos todos os dias.
Em resumo, podemos dizer que o limão é um alimento ácido, mas com propriedades alcalinizantes quando ingeridos por nós.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.